Por que a meditação e a psicologia podem ser grandes ferramentas para a saúde mental?

Notícia



Estamos vivendo uma geração que está cada vez mais em busca de uma melhor qualidade de vida, e a ciência tem avançado, e muito, nesse sentido. Diante de vidas cada vez mais atribuladas, as pessoas buscam na psicologia e na meditação formas de se manterem calmas, com baixíssimo nível de estresse, focadas e com a saúde mental equilibrada.
 

A meditação é uma prática muito difundida no Oriente e que, nos últimos anos, tem se popularizado também no Ocidente. Em muitas religiões, a meditação é utilizada como uma forma de autoconhecimento, relaxamento e conexão. No Ocidente, especificamente, a meditação, na maioria das vezes, é utilizada como uma prática de relaxamento e bem-estar.
 

A respiração e o silêncio são trabalhados durante o estado meditativo, e apenas alguns minutos por dia que o indivíduo reserva para meditar são suficientes para a pessoa se sentir mais relaxada e consciente.
A ciência, ao longo dos anos, provou que a meditação oferece vários benefícios, tanto para o corpo quanto para a mente, como:

 

●    Regulação do humor.
●    Controle emocional.
●    Redução da ansiedade.
●    Aumento da resistência ao estresse.
●    Combate ao risco de doenças cardíacas.
●    Melhora do funcionamento cerebral.
●    Redução da perda cognitiva em pacientes com quadro de Alzheimer.
●    Motivação do indivíduo a ter comportamentos mais altruístas.

 

Psicologia e meditação
 

Muitos profissionais da área da psicologia recomendam aos seus pacientes a prática da meditação para ajudar no processo de tratamento de quadros de ansiedade, síndrome do pânico e fobias, por exemplo, e quando a técnica é aplicada no dia a dia do paciente, os resultados são perceptíveis e grandiosos.
 

Através da meditação, conseguimos estabelecer uma conexão sólida com o agora, diminuir a angústia, trabalhar o desapego aos problemas e às preocupações, e melhorar nossa relação com os desejos.
 

A meditação é uma ferramenta poderosa e pode ser uma metodologia usada durante um tratamento terapêutico. Dessa forma, sendo um complemento às técnicas de tratamentos psicológicos, ajuda o paciente a lidar com todos os desafios do dia a dia e com as questões mais profundas do ser.
 

Pós-graduação em Docência e Prática da Meditação
 

O título “Docência e Prática da Meditação”, por si só, deixa claro o que, em essência, queremos: que esses conhecimentos possam servir à prática constante e que a compreensão essencial que surja da meditação seja a base de sua transmissão a um número cada vez maior de pessoas, contribuindo para a promoção do bem-estar, da saúde, da elevação espiritual e do progresso científico.
 

Este curso, em nível de pós-graduação lato sensu, forma especialistas e professores de Meditação dentro dos mais altos padrões éticos e científicos, e está aberto a graduados nas áreas das Artes, Educação, Saúde, Esportes, Defesa e Administração.
 

Saiba mais sobre o curso de Pós em Meditação: https://bit.ly/3v9mx0K

 


 

Outras notícias

Veja também


26 Mai 2021

As principais alterações fisiológicas causadas pelo envelhecimento

O envelhecimento é um processo na vida de todo ser humano que não pode ser interrompido.…

20 Mai 2021

Por que o brincar é tão importante para o aprendizado infantil?

Muitos pais subestimam o poder das brincadeiras no desenvolvimento infantil e acreditam que esse tipo…